Damiani Sociedade de Advogados

Escritório especializado em direito penal, gestão de crise e compliance
Sobre Nós

Escritório especializado em direito penal, gestão de crise e compliance

O escritório tem por objetivo oferecer aos seus clientes a melhor experiência e assegurar eficácia na prestação de serviços jurídicos, com integridade e responsabilidade,

André Gustavo Sales Damiani

Sócio Fundador

Principais áreas de atuação

Problemas complexos demandam soluções multidisciplinares e criativas

Há mais de 15 anos no mercado, fruto da união de profissionais experientes e reconhecidos, o escritório Damiani Sociedade de Advogados atua em todas as áreas do Direito Penal, pautado no seguimento empresarial. Promove, ainda, a gestão de crises, soluções de compliance e adequação à Lei Geral de Proteção de Dados.

Direito Penal

Reunimos grande experiência em causas de relevância nacional e internacional, atuando em operações investigativas complexas.

Gestão de Crise

Para situações críticas, possuímos uma equipe de trabalho ágil, experiente e multidisciplinar.

Compliance

Assessoria aos clientes com relação ao desenvolvimento e a implementação de programas internos de compliance,

LGPD

Desenvolvemos uma metodologia própria para a conformidade legal de toda e qualquer empresa.

Assine nossa Newsletter

    Notícias em alta

    Confira as últimas notícias do nosso site

    O caso Dalai Lama e o abuso sexual infantil

    O líder espiritual budista, Dalai Lama, chocou o mundo. Ao final de uma cerimônia religiosa, o líder espiritual beijou uma criança em sua boca e, ainda, pediu para que o menor “chupasse a sua língua”. Quem é ele? Considerado a 14ª encarnação de Buda, a autoridade religiosa ganhou destaque...

    Leia mais >

    Entenda como Bolsonaro pode ser indiciado no caso das joias

    O sócio Diego Henrique foi destaque no portal eletrônico Poder360: A investigação da PF (Polícia Federal) sobre a conduta do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) no caso das joias pode levar ao indiciamento do ex-chefe do Executivo pelo crime de peculato. A avaliação já foi feita, inclusive, pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino (PSB). O Código...

    Leia mais >

    Regulação das redes é foco de discussão nos Três Poderes

    O sócio fundador André Damiani foi destaque na plataforma online Poder360: As discussões sobre a regulação das plataformas online ganhou força ainda durante a campanha eleitoral de 2022, quando as empresas de redes sociais precisaram retirar do ar conteúdos com desinformação sobre candidatos por ordem judicial. Foram retomadas com os atos...

    Leia mais >

    Ex-presidente vira réu nos EUA: e agora?

    Pela primeira vez em sua história um ex-presidente norte-americano virou réu numa ação criminal. Donald Trump está sendo processado pelo eventual suborno a três pessoas durante a eleição de 2016. Segundo as acusações, os indivíduos teriam recebido dinheiro do ex-presidente, por intermédio de seu advogado, para acobertar supostos relacionamentos...

    Leia mais >
    prisão especial

    STF derruba prisão especial a quem tem diploma

     O sócio fundador André Damiani foi destaque no Jornal Poder360 O STF (Supremo Tribunal Federal) derrubou por unanimidade a possibilidade de prisão especial a detidos com curso superior. O julgamento é realizado em plenário virtual e se encerra nesta 6ª feira (31.mar.2023). O relator, ministro Alexandre de Moraes, considerou que a medida...

    Leia mais >
    apostas esportivas

    Apostas esportivas: os riscos e a regulamentação

    Lazer, renda extra ou, até mesmo, compulsão. O mercado de apostas esportivas cresce no Brasil e já movimenta uma receita bilionária, fazendo com que o país represente o segundo maior mercado de apostas no mundo; atrás, apenas dos EUA.  Motivados pela alta lucratividade e a ausência de regulamentações, trapaceiros...

    Leia mais >

    BBB 23 e o crime de importunação sexual

    Dois participantes foram expulsos do reality show porque teriam importunado sexualmente uma competidora do programa. O caso repercutiu e a Delegacia de Atendimento à Mulher de Jacarepaguá (RJ) instaurou inquérito policial para investigar o crime de importunação sexual. Diante das câmeras e ao vivo para todo o Brasil, um...

    Leia mais >
    feminicídio

    Feminicídio: oito anos após aprovação da lei

    Com a necessidade de conferir maior proteção as mulheres, em 09 de março de 2015, a Lei n° 13.104 entrou em vigor e alterou o artigo 121 do Código Penal para prever o feminicídio como circunstância qualificadora do crime de homicídio, bem como incluí-lo no rol dos crimes hediondos....

    Leia mais >
    direitos e deveres

    Direitos e deveres de quem viaja para o exterior com dinheiro vivo ou joias

    O episódio em que a comitiva do ex-presidente Jair Bolsonaro buscou ingressar no país com joias de valor milionário serve de contexto para discutir a questão alfandegária, quais são os nossos direitos e as nossas obrigações. O Governo Brasileiro, na figura de Receita Federal, impõe limites para a entrada...

    Leia mais >
    visita intima

    STF julga norma sobre visita íntima em presídios federais nesta quarta

    O advogado e sócio André Damiani foi destaque no portal R7 Os ministros do Supremo Tribunal Federal devem julgar nesta quarta-feira (8) uma ação que questiona trechos de uma norma, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, que criou regras para permitir visitas íntimas em presídios de segurança máxima. Ao redor do mundo...

    Leia mais >
    Lei 17.626/2023

    Lei n.º17.621, de 3 de fevereiro de 2023: seu estabelecimento já se adequou a nova Lei de proteção a mulheres?

    Você sabia que o governador de São Paulo, Tarcísio de Feitas, sancionou em fevereiro a Lei n.º17.621, de 3 de fevereiro de 2023, que obriga bares, restaurantes, casas noturnas a adotarem medidas de auxílio a mulheres que se sintam em situação de risco?  A nova Lei de proteção a...

    Leia mais >

    É crime inflacionar o preço da água em meio a tragédia no litoral de SP? 

    Ganhou repercussão nacional o aumento exorbitante do valor das mercadorias comercializadas no litoral norte de São Paulo, logo após a região haver sido atingida severamente pelas fortes chuvas de fevereiro de 2023; contabilizando-se 65 pessoas mortas. Não é crime o comerciante vender o litro da água ao preço de...

    Leia mais >
    Scroll to top